terça-feira, 23 de setembro de 2008

César Cielo pretende investir valor de barras de ouro em ações da Bovespa

Os medalhistas olímpicos brasileiros receberam nesta terça-feira, em evento realizado na Bolsa de Valores de São Paulo, prêmios em barras de ouro por suas atuações nos Jogos de Pequim. Todos os atletas preferiram trocar ouro por dinheiro, mas o nadador César Cielo pretende investir em ações na própria Bovespa, que passa por instabilidade nos últimos dias. - Como no momento não estou precisando muito de dinheiro, nem a minha família, pretendo investir na Bolsa mesmo - explicou Cielo, que ganhou 1,250kg em barras de ouro, o equivalente a R$ 63.750.

Para competições individuais, a premiação foi de 1 kg de ouro para medalha de ouro, 500g para prata e 250g para bronze. Já para as competições por equipe, a quantia foi de 100g de ouro para cada atleta medalha de ouro; 75g de ouro para cada medalhista de prata e 50g para cada atleta medalha de bronze.Tendo em vista a cotação do ouro no dia 19 de setembro, último dia para a confirmação da presença dos atletas no evento, cada grama corresponde a R$ 51.

Somente os atletas que compareceram ao evento desta terça-feira, no centro de São Paulo, é que tiveram direito ao prêmio. A saltadora Fabiana Murer e o técnico da medalhista de ouro Maurren Maggi, Nélio Moura, receberam prêmios especiais que não foram divulgados.

Estiveram presentes no evento os seguintes medalhistas: César Cielo, da natação, Maurren Maggi, do atletismo, Robert Scheidt, Isabel Swan e Fernanda Oliveira, da vela, Thiago Camilo e Leandro Guilheiro, do judô, Márcio e Fábio Luiz, do vôlei de praia, Jaqueline e Fofão, do vôlei feminino, Murilo, Dante, André Nascimento, Serginho, Bruno e Rodrigão, do vôlei masculino, e Cristiane, Fabiana, Érika, Tânia Maranhão, Formiga e Maikon.

Fonte: Globo.com
-
Cielo decide voltar aos EUA e retoma imbróglio com a CBDA
Após ditos e desmentidos, a relação entre o nadador Cesar Cielo e a Confederação Brasileira de Natação (CBDA) ainda é conflituosa e as partes parecem distantes de um acordo. Cielo anunciou, nesta terça-feira durante evento realizado no centro de São Paulo, que voltará a treinar nos Estados Unidos em 2009, mas ficou sem jeito quando questionado sobre se, com a saída do país, receberia apoio da entidade.
"Essa é uma pergunta difícil. Bem difícil de responder. Você me colocou em uma situação complicada", hesitou o nadador. Ante a saia-justa, a mãe do nadador tratou de socorrê-lo. "Por que está perguntando isso para o meu filho?", questionou Flávia Cielo. A mãe do nadador, então, assumiu o tema."Temos que ver o que vai acontecer. Ainda não definimos nada. Algumas coisas já ficaram resolvidas, mas não é tudo que está resolvido ainda. A questão não é só dinheiro. Isso, graças a Deus, não é problema para gente. Faço questão que você coloque isso", disse a mãe de Cielo, que, ao mesmo tempo em que tentou abafar a questão, disparou contra a entidade."A CBDA tem que se preocupar em investir em outras coisas também. Cadê as crianças nadando? Não vejo uma base sendo formada lá no Maria Lenk para que existam novos Cielos no futuro. A CBDA tem que se preocupar com isso também. Acho que tem que se preocupar mais com isso do que com os atletas já renomados", completou Flávia.O conflito entre as duas partes teve início em 2006, quando Cielo decidiu deixar o Clube Pinheiros para treinar em Auburn, pequena cidade localizada no Alabama (EUA). À época, a CBDA cortou o patrocínio em represália à atitude do atleta.A rusga teve seu ápice neste ano, quando alguns atletas foram se encontrar com o presidente Lula em evento promocional antes dos Jogos Olímpicos, na mesma época da renovação do patrocínio da Confederação com os Correios. Cielo não compareceu porque estava treinando e foi criticado pela cúpula da CBDA.Quando chegou de Pequim com uma medalha de ouro nos 50 m e uma de bronze nos 100 m, Cielo disparou contra a CBDA. "Não estou associando a minha conquista à CBDA, porque a Confederação pouco teve a ver com ela", disparou o nadador. "As pessoas vêem a festa depois da medalha na TV, mas a realidade é outra e é brutal", disse à época.Após a crítica, o nadador alterou o discurso e admitiu ter falado mais do que devia. Mudou de opinião, curiosamente, logo após uma reunião com o presidente da entidade, Coracy Nunes. O coordenador técnico Ricardo de Moura teria sido o pivô da reconciliação. A mãe do nadador, entretanto, fez questão de dizer que o filho não voltou atrás."Não foi uma questão de voltar atrás, mas de as partes entrarem e um acordo. Ele [Cielo] estava no meio de uma competição [Troféu José Finkel]. Não era momento para aquilo", finalizou Flávia. Aparentemente, porém, o imbróglio parece não ter chegado ao fim.Cielo seguirá treinando no Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo, até o final do ano. Depois voltará para Auburn, aonde diz ter mais tranqüilidade para trabalhar ao lado do técnico australiano Brett Hawke. "Lá eu não sou incomodado. Não tem tietagem, gente querendo tirar foto o tempo todo. Consigo me concentrar mais. Não tem como eu não voltar. É o melhor para mim, para os meus treinos e para os meus estudos", afirmou. Não quis dizer, entretanto, se mais uma vez ficará sem repasses de patrocínios feito pela CBDA.



Fonte: Uol

12 comentários:

Karinny disse...

Caramba e essa novela não termina, eu sou da opinião que o César deve sim seguir em Auburn, pq lá ele tem tudo a seu favor aqui no Brasil não, imagina ele sair todo día de SBDO pegar o trânsito de SP pra ir ao Pinheiros treinar. ou tendo q morar só em SP só pra isso, ir pra faculdade sem flexibilidade de horário, isso se ele pudesse frequentar alguma com o povo emcima dele na tietagem. Pô ele aqui não tem o respaudo q encontra em Auburn, infelizmente essa é a realidade.

Karinny disse...

aqui um outro video de hj do Cesão falando do campeonato em BH
http://terratv.terra.com.br/templates/channelContents.aspx?channel=2473&contentid=211248

Bia R. disse...

eu concordo com a karinny! é que ele falar que vai voltar pra Auburn soa mal pras pessoas que tanto tietaram ele aqui! nao vai ser com toda essa euforia que ele vai ganhar medalha em 2012, entao é melhor que ele ficar por lá mesmo E ATUALIZAR O BLOG AS VEZES, nao mata ninguem néé! xP

Anônimo disse...

Caro César, não acompanho nada de esportes, não é minha praia e acho tudo um ufanismo medonho! Mas como brasileiro, gostaria de me solidarizar com você, parabenizar você e dizer que você deve treinar sim nos EUA. Estes cartolas brasileiros destas Confederações nada fazem pelo esporte e depois querem colher louros que a outros pertencem... Você é um campeão e não merece este tratamento mesquinho da cartolagem nacional. Você é superior e isso e este o Brasil, infelizmente, é um país ingrato. Go Ahead e parabéns!

Cintia disse...

Ah eu não consigo ver o vídeo! =/
Obrigada Karinny pelo link!
(como ele fica bem de paletó ;D)

O César tem que fazer o que ele acha ser melhor pra ele, pro seu futuro, pra sua natação. Se em Auburn, ele se sente bem, treinando com o Brett, então é isso que ele tem que fazer. A Confederação tem que a apoiar os atletas nas suas decisões.
Será que se ficasse no Brasil ele conseguiria ser um atleta de alto nível e estar fazendo um curso de nível superior? Alcançaria os meus resultados?

Concordo com o que a Flávia falou, cadê o investimento? É preciso que se pense a longo prazo, começar nas bases, apoiando, investindo, para que esses, da base, sejam o futuro da natação (não só da natação)...

E gente, ô guri inteligente esse! xD

beijo.

Camila disse...

É isso aí. O anonimo aí falou td.
Mas, o melhor foi a mae dele o defendendo, como uma leoa: "Por que está perguntando isso para o meu filho?"

rsrsrs

Ele deve estar sendo mto cobrado por isso. Nao duvido os dirigentes darem um jeito de queimar ele, pra ficar parecendo q ele é ingrato com o Brasil e etc.

karen disse...

Vamos aguardar os próximos capítulos da novela que a CBDA faz. Que deprimente!!!Nem vou falar nada sobre...

Cesão virando um homem de negócios, investindo na bolsa... UAU! rsrsrs

E maaaata todo mundo de vez quando veste preto!

jane disse...

NOSSA O CESAR TA LINDO E ELEGANTE PARECENDO MESMO UM HOMEM SHOW BUSINNES DA BOLSA DE VALORES. QUE GATO AVE CESAR. ENQUANTO ESSES DIRIGENTES DA CBCA. DONA FLAVIA NAO PERCA A CABEÇA COM ESSE ZE POVINHO. SEU FILHO O CESAR MERECE MUITO MELHOR NA VIDA E ELE RECEBERA EM DOBRO O QUE DEUS RESERVA DE BOM E GLAMUROSO NA SUA VIDA PROFISSIONAL DE NADADOR.ELE VAI BRILHAR MUITO MAIS NA VIDA. BEIJOSSSSS JANE

Karinny disse...

Olha gente outra matéria com o Cesão hj lá na BOVESPA http://jc.uol.com.br/2008/09/23/not_180402.php
Tadinho não tem tranquilidade em casa, muito menos nos treinos pq são muitos telefonemas, muitos pedidos de fotos até com ele dentro da piscina treinando!!! Tudo bem q todos querem uma recordação do nosso herói, mas vamos ter consciência, ele não pode viver 24h do dia atendendo as pessoas, ele tem uma vida a seguir, tem q treinar, estar tranquilo, eu acho incrível como tem gente q acha q "celebridades" têm obrigação de sorrir e atender a todos abdicando de suas vidas :§ e se eles não o fazem já saem dizendo é um metido, arrogante. Espero mesmo q Cielo vá para Auburn.

Lucinha disse...

Tem uma matéria do César no Terra:)

O link:
http://esportes.terra.com.br/interna/0,,OI3204114-EI1881,00-Homenageado+Cielo+admite+ser+portavoz+da+natacao.html

Tem um vídeo tambem, mas esse a Karinny já pôs o link...

Beijinho

Lucinha disse...

Quanto ao César querer ir embora, acho que ele está mais do que certo...

Afinal de contas, aqui ele não vai ter a estrutura - e nem o sossego - que tem em Auburn.

arivana disse...

karinny concordo com vc
e anonimo deus um show aew =)

se ele ficar aqui coitado...
ele tem mais é quer ir msm


vá com deus cesão...