domingo, 15 de novembro de 2009

DOMINGÃO...

Domingo de sol em Niterói... será que eu fui a praia? Isso é uma questão pontual. Fiz trabalhos da faculdade. Isso é uma questão estrutural. #ounão (@oclebermachado #feelings) - piada interna pra quem tem twitter e segue o melhor fake dos últimos tempos.

Publiquei também um texto sobre a participação do Michael Phelps na Copa do Mundo lá no meu outro blog, o Loucos Por Natação. Pra quem curte, vale a pena!

Mas fui recebendo umas coisas legais entre ontem e hoje. Notícias do Paulista, acho que as melhores vieram mesmo da Lika, né? hehe [Hoje ele não nadou]


Cielo fica feliz pelo fim do caso Rebeca Gusmão
Nadador prefere pensar no bom momento da natação
Fábio Aleixo - SANTOS (SP)

O brasileiro Cesar Cielo comentou neste sábado, em Santos, onde disputa o Campeonato Paulista, o caso da compatriota Rebeca Gusmão, que foi banida do esporte nesta sexta-feira, após a Corte Arbitral do Esporte (CAS) manter a posição da Federação Internacional de Natação (Fina).

A ex-nadadora testou positiva em mais de um exame antidoping: dois no Troféu José Finkel, em maio de 2006, e um no dia 13 de julho de 2007, data da abertura do Pan-Americano do Rio de Janeiro.

- Fico feliz pelo encerramento do caso, mas triste por tudo que ele gerou. Não estou muito por dentro e assisto pela TV, vejo coisas pela internet. Espero que não aconteçam mais casos assim - disse o campeão olímpico e mundial.

Para Cielo, seria bom se o banimento de Rebeca não tiver grande repercussão, uma vez que o Brasil vive um momento de resultados positivos na natação.

- Notícia negativa não é boa. É até bom que passe desapercebido em um momento bom para a natação, como estamos vivendo. Prefiro pensar nas marcas que temos e alavancar a natação - completou.

Em Santos, Cielo obteve a marca de 49s01 nos 100 metros livre e quebrou o recorde paulista. O nadador é o detentor do recorde mundial da prova, com 46s91, obtido no Mundial de Roma, na Itália.

FONTE: LANCE!net


Agora uma entrevista do Bernard, mas não vou postar inteira (quem quiser ler, é só clicar na FONTE no final).

Alain Bernard: 'Cielo é parte da evolução'
Campeão olímpico fala com exclusividade ao LANCENET!
Paulo Roberto Conde - SÃO PAULO

A partir de janeiro, a natação vai voltar no tempo. Com o veto aos trajes de poliuretano feito pela Federação Internacional (Fina), só será possível competir com shorts, bermudas e maiôs. Alain Bernard é um dos grandes velocistas do mundo e já aceitou mudar de parâmetro. Se tem como recorde pessoal 47s12 nos 100m, sabe que vai demorar para alcançá-la de novo.

A previsão, de certa forma, é benéfica para seu maior rival, Cesar Cielo, recordista da prova com 46s91. Neste papo com o LANCENET!, por telefone, ele elogia o brasileiro, alfineta a decisão da Fina e diz que se sentiu decepcionado por ter o recorde mundial dos 100m que fez em abril (46s94) cassado, por uso de traje não aprovado até então.

L!: Hoje há muito equilíbrio em provas de velocidade na natação masculina, com nadadores como você, Cesar Cielo, Eamon Sullivan e Fred Bousquet. É um momento especial para a velocidade?
É um momento especial para toda a natação. Há vários destaques surgindo em provas que há pouco tempo eram menos conhecidas. Mas não há como negar que as provas de velocidade (50m e 100m) recebem maior atenção. Primeiro, porque são mais atrativas de televisionar. Até faço uma equivalência com o que acontece com os 100m do atletismo. Sempre há novos rostos, sempre há evolução.

L!: Diria que há mais renovação de talento em provas rápidas?
Sim. É o caso dos 100m livre, com nomes como Eamon Sullivan e Cesar Cielo. São grandes nadadores, muito jovens, mesmo se comparados a mim. Cesar é um grande destaque, e é curioso ver que ele apareceu há dois ou três anos no cenário internacional. Dalí em diante, evoluiu com muita rapidez. Há dois anos, foi quarto colocado no Mundial (em Melbourne) nos 100m. Agora, ganhou seus primeiros títulos mundiais, e já havia sido bronze na Olimpíada de Pequim. Ele é parte de toda essa evolução do sprint mundial.

L!: Em entrevista dada recentemente, Cesar Cielo elegeu você como o rival mais difícil que enfrentou. E qual é sua opinião sobre ele?
Sem dúvida, é um dos grandes. Cesar é muito jovem e muito ambicioso. Tem um talento enorme, muita personalidade e intensidade. Como disse, é o mais jovem entre os velocistas da atual geração. Eu acho que o grande trunfo dele é saber aproveitar ao máximo suas qualidades e dar o máximo de seu potencial nas grandes competições.

L!: Embora seja campeão do mundo e olímpico, Cesar Cielo ficou muito tempo sem patrocínio. É uma constante do esporte brasileiro: pouco investimento. Na França, é diferente? Como é seu caso?
Aqui é bem comum ter patrocinadores, que vão de marcas de biscoito a suplemento alimentar. No meu caso, tenho, entre outros, patrocínio de uma seguradora. Eu falo para meu agente que é preciso associar marcas positivas à minha imagem. Geralmente, tenho de fazer campanhas, autorizar o uso de minha imagem, mas é assim que as coisas são. O importante é não esquecer a performance esportiva. Quero sempre ser o melhor do mundo, e preciso prestar atenção nisso.

FONTE: LANCE!net


É isso, né?! Domingo cheio, como sempre... hehehe

Beijocas Celestes!!!!!!!!!!!!!!!!!!

4 comentários:

jeh ferraz disse...

Eu li o post do Loucos por Natação e deixei um pequeno grande comentário lá.....lê depois Dona Paty.......

Tadinho do Bernard.......ter q dar entrevista respondendo perguntas sobre o Cesão.....tá parecendo o Lochte, q sempre tem q responder perguntas sobre o Phelps e o Peirsol....mas fazer o q?? Cesão é o cara e Bernard será segundo por muuuuuuito tempo!!!

Patrícia Angélica disse...

Já vi, Jeh! Adorei!

Karinny disse...

Muito boa a matéria do Lance! nunca tinha visto tanto espaço pra natação como em 2009.
Adoooooro!!!!

Papi disse...

Gosto do Bernard. Ele é muito, como eu diria, francês. Elegante, polido, educado... Gay provavelmente, mas um moço de fino trato.

Você vê que ele trata seus adversários com consideração, cuidado.

Que bom que o Lance está abrindo espaço para natação e entrevistar um gde cara como Bernard deve ser sensacional. Muito bom!

beijos