quinta-feira, 20 de agosto de 2009

IMPERATORE DI BLOGUEIROS

¬¬

Eu e os meus PÉSSIMOS trocadilhos!!

Pior é que vocês dizem gostar, aí eu continuo fazendo...

Enfim... o título é pelo seguinte: na falta de notícias, surgem no meu Google Alerts "cesar cielo", vários blogs de pessoas escrevendo sobre ele. Um texto melhor que o outro!

O primeiro deles é um da galera da ECO-UFRJ (Escola de Comunicação da UFRJ - meu sonho de consumo *.*):

Cielo: fenômeno ou resultado de investimento?
Renato Senna (graduando em Jornalismo da UFRJ)

César Cielo. Nome muito conhecido internacionalmente desde o ano passado. O nadador brasileiro já havia conquistado o ouro olímpico nos 50m livres. Mas, no último mundial, o paulista de Santa Bárbara do Oeste surpreendeu o mundo ao vencer os 100m livres, com direito a quebra de recorde, e 50m livres no Mundial, disputado na Itália. Apesar de todo o sucesso, fica a pergunta: seria Cielo mais um fenômeno isolado, como foi com Guga, no tênis, ou Maurren Maggi, no atletismo, ou seria ele o primeiro resultado do investimento no esporte?

A resposta tende mais para a primeira opção. Apesar de novos talentos terem despontado nas piscinas brasileiras nos últimos anos, casos de Felipe França, Nicolas Santos, Thiago Pereira e Kaio Marcio, o campeão mundial teve de sair Brasil e ir treinar nos EUA para conseguir melhores equipamentos e treinos. Essa foi a maior bronca de Cielo ao voltar de Pequim com a medalha de ouro no peito.

- A vitória não é só a medalha, e tem muita responsabilidade por trás. Passei três anos nos EUA e pensei várias vezes em voltar. Tudo o que falta no Brasil é competição. Nas competições nos EUA, eu olho para o lado e está o Phelps. Aí você se acostuma a competir com os melhores. No Brasil temos competições boas, mas é diferente do nível do exterior. No meu caso, qualquer centésimo vale muito. E se os patrocinadores olharem com mais carinho, a nossa natação tem tudo para dar um salto enorme – declarou o nadador, que também estava insatisfeito com a falta de patrocinadores.

(...)

A natação brasileira sempre revelou bons nomes como Ricardo Prado, Gustavo Borges e Fernando Scherer. Mas é nesta geração de César Cielo, Nicolas Santos e Felipe França, que o país vê a possibilidade de se colocar como uma das potências do esporte. Basta um maior investimento da CBDA, se espelhando nos exemplos bem sucedidos do vôlei e da ginástica. Que o Cielo (céu em italiano) não seja o limite.

FONTE: Macacos Digitais (clique ao lado para ler todo o texto)


E esse é das Minas Gerais, lá das bandas de Beraba... huahua!! Cesão sempre inspirando a garotada!

César Cielo é fonte de inspiração para nadador da cidade

Pensou em natação, logo lembramos de César Cielo. O novo ídolo brasileiro de apenas 22 anos pulverizou nas piscinas deste último Mundial de Esportes Aquáticos em Roma. Ele venceu a final dos 50m livre com recorde da competição (21s08), mas não mundial. Nos 100m livre, levou o ouro com recorde mundial (46s91). Em Uberaba, um atleta sonha em se aproximar dos feitos do ídolo. Mesmo com a idade avançada, 23 anos, Guilherme Trindade que já conquistou títulos em disputas nacionais está se preparando para uma competição regional no fim do mês já pensando no Campeonato Mineiro em novembro e no Brasileiro em dezembro. Esta competição regional que será um ''teste'' para Guilherme deverá reunir os principais atletas da cidade e, alguns de Araxá e Uberlândia.

A melhor marca de Guilherme nos 50m é 23s30, apenas 2s22 acima de Cielo no Mundial. O que representa um piscar de olhos para muitos, na natação essa diferença é bem considerável. Já nos 100m, o tempo entre os dois é ainda mais distante. Sua melhor marca é 51s90, 4s99 acima de Cielo no Mundial.

O treinador Daniel é um dos granes responsáveis pelos bons desempenhos do atleta. Daniel admira muito o talento de Guilherme e o aponta como principal nadador dos 50m e 100m da cidade. ''O Guilherme é fera. É um dos poucos nadadores da cidade a nível nacional e com certeza estará na briga por todos título que disputar este ano'', afirma o treinador.

FONTE: Uberaba Esportes


E esse chegou hoje, mistura os três marrentos, Cesão, Bolt e Phelps! Gostei!!

Cielo, Bolt e Jason

No mundial de natação, em Roma (ah, a Itália...), ele, de novo, César Cielo, roubou a cena e foi campeão mundial dos 100 e d0s 50 metros livre, tendo batido o recorde mundial na 1a categoria. Todos só falavam no maiô do Michael Phelps até então. Acho que o brasileiro, às vezes, pensa que seus atletas conseguem as coisas na sorte, como se as medalhas olímpicas já bastassem (bronze nos 100m e ouro nos 50m), como se já fossem um feito e tanto. Mas não para o Cielo. Não se deslumbrou, continuou treinando forte e sagrou-se campeão mundial e bateu o recorde numa categoria que nem é o seu mais forte. Deslumbramento, aliás, é algo que não deve acontecer com ele, que tem uma cabeça muito boa...

Taí: Cielo é a maior prova de que a combinação de talento com treinamento duro (que aliás é feito todo nos EUA, com melhores condições -> um dia escrevo sobre isso) é a melhor maneira de formar um campeão. Acredito até que seja o primeiro brasileiro com essas características (piloto de Fórmula 1 não vale...). [CONCORDO!!!!! hohohoho]

Phelps? Ah, ele venceu a prova dos 200m com o maiô defasado. Mas os italianos só queriam saber de como estava o cielo... [os trocadilhos do jornalismo esportivo são mesmo "sensacionais", né?! D. Sylvia Moretzsohn que o diga!]

No mundial de Altetismo... Bolt, o Fanfarrão, passeou mais uma vez. É impressionante o esforço que fizeram Tyson Gay e o conterrâneo de Usain, Asafa Powell, pra chegarem em segundo e terceiro, enquanto o jamaicano que bateu seu próprio recorde mundial brincava na pista. E o pior (ou seria melhor?) é que a tendência é de que ele se supereve novamente em breve, com mais um passeio. Ainda que seja marrento, Bolt é bastante carismático e tem a admiração tanto dos adversários (exceto do Gay) quanto dos fãs. ["do Gay"?! Essa pegou... e eu me arrisco a dizer que foi de propósito! huahua]

FONTE: O Quarto Secretário (para ler todo o texto, clique ao lado)

Espero que tenham curtido os posts!

Antes de me despedir, mas pitadas blogueiras:

A Start List do Troféu José Finkel (a acontecer de 1 a 6 de sembro na Unisul em Floripa - ok... é Palhoça! hehe) que saiu ontem no Blog do Coach.

E também uma breve propaganda de uma iniciativa minha com alguns amigos (alguns bem conhecidos pela galera do FC pelo Orkut e MSN): o Blog Loucos Por Natação - Porque de Coach e Louco todo mundo tem um pouco! Lá a gente vai sempre falar e fazer comentários sobre os mais importantes acontecimentos das piscinas brasileiras e internacionais.

Beijcoas Celestes!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Cesão e a criançada que sonha em um dia ser como ele, lá na piscina do Barbarense!

5 comentários:

arivana disse...

todos querem ser como o cielo....

que bom

é lindo ver essa garotada se inspirando no cesão....

vamo lá futura geração da natação brasileira...=)

Carolina disse...

Gente, a marra é a alma do negócio também! Hahahahaha! Você tem que ter presença, pô.

Muito bons os textos, Paty! Adorei!
E os trocadilhos do esporte são simplesmente fantásticos! Hoje vi o Bolt correndo e é embasbacante ver o cara correndo OLHANDO PARA O CRONÔMETRO E APONTANDO. Assim, quem é o atleta que vai divergir a atenção fazendo isso sem desacelerar? Como o cara do SporTV disse (esqueci o nome, sempre esqueço o nome das pessoas que falam, rs), o campeão foi o cara do Panamá que ficou com a prata porque ele competiu na categoria de humanos. Já o Bolt... :D

Mariana Cantarim disse...

Paty, vc tá inspirada nou últimos dias hem?
Acho que esse chat tem te feito muito bem....hahahhahahahah

Tá cheia das idéia 51, trocadilho, piadinha e o humor então....kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Patrícia Angélica disse...

é, Mari...

acho q ta mesmo me fazendo mt bem!!

Laurinha =) disse...

E dá pra não ficar inspirada e bem com aquele chat??? ahahhaa.. IMPOSSÍVEL, meus amores hauhauhauhaa.... Veja eu, cada dia melhor kkkkk...