domingo, 23 de agosto de 2009

CESÃO E SEUS SEGREDOS...

Será que ele ainda tem algum segredo que ainda não sabemos?

Encontrei esse texto, achei bacanérrimo e divido ele com vocês! Confesso que quando comecei a ler, achei q fosse ser ruim, mas me surpreendeu! ;)

O segredo de Cesão
Ugo Braga

Brotou a notícia de que Cesar Cielo vinha a Brasília. Oba, comemorei.

Cesão é um dos meus heróis prediletos. E não só por ser um bem aventurado do esporte, o que já lhe põe adiante de outros. Mas sobretudo por se tratar de um sujeito infinitamente simpático, com opiniões quase sempre maduras e invariavelmente apontando no caminho certo.

Pedi, então, a uma talentosa repórter da equipe de esportes, Ananda Rope, para entrevistá-lo.

Mas vem cá, disse a ela, pergunta a ele uma coisa que eu sei que ele não vai saber responder direito. Mas vai perguntando até arrancar dele a verdade, a sagrada e escondida verdade. -- Sim, mas o que é?, respondeu, curiosa.

Seguinte, esclareci: o Brett Hawke, técnico dele, vive por aí a dizer que Cesão é um dos nadadores mais talentosos com quem já trabalhou. Falou isso com todas as letras no perfil feito pela Dorrit pra Piauí (se não leu, clique aqui sem pestanejar. E não se preocupe com o tamanho do texto, você não conseguirá parar de ler mesmo).

(...)

Sim, mas tu não tens audiência com Lula. Tens audiência com Cesão, que pra nós (nós, o Super Esportes, jornal esportivo encartado no Correio Braziliense), é mais importante que o Lula. Enquanto ele estiver na cidade, estarás por perto dele. -- Então, tá.

E lá se foi Ananda. Não conseguiu nada às 9h, nem às 10h, nem mesmo às 11h ou ao meio-dia -- depois da audiência, a seleção brasileira de natação foi até a sede dos Correios, que a patrocina, para uma pajelança.

Fora do gabinete presidencial e finda a pataquada na patrocinadora, Cesão deu a prometida entrevista coletiva e todo mundo deu-se por satisfeito. Menos Ananda. Ela estava decidida a tirar do herói algo que nem ele mesmo tinha consciência, a chave de seu sucesso, a pedra-mãe do talento do então nadador mais rápido de todos os tempos, o primeiro e único (pelo menos o único homologado e reconhecido oficialmente) a percorrer a nado uma distância de 100m num período menor do que 47s -- exatos 46s91, recorde mundial para a prova mais importante da natação.

A repórter, então, andou na contramão dos colegas e, acabada a coletiva, negou-se a ir embora. Ficou ali por perto. Abordou aquele grande sujeito -- um corpanzil de 1,95m e muitos músculos, abaixo de um enorme sorriso -- e disparou-lhe a saraivada de perguntas que descobririam a arca da aliança, o pomo de Adão, a caixa de Pandora, o início e o fim de tudo, o bóson desconhecido, o toque de Midas e o mistério da fé.

Cesão, ela me disse, nem precisou pensar muito. -- Ananda, é só treino. Muito treino. Eu nado igualzinho aos caras. Nem uma pernada a mais ou diferente, a mesma braçada, a mesma respiração.

-- Mas não pode ser! Tem de ter alguma coisa...

E o campeão tentou ajudá-la. Teria dito algo como "mais da metade do desempenho está na cabeça, na confiança em si mesmo e na vontade de baixar aquele tempo mais e mais a cada treino, a cada competição".

Ananda voltou, me contou a história e ficamos ambos -- e ainda estamos -- num misto de perplexidade e dúvida. Como é que é? É só treino e auto-confiança? Tal idéia equivale a dizer que qualquer um pode ser o melhor do mundo em qualquer coisa.

E esta pode ser uma verdade dura demais de se ouvir...

FONTE: Blog do Ugo Braga (para ler o restante, clique ao lado, vale a pena!)

--> Só não sei se concordo totalmente com o final... Acho que a auto-confiança só e o treino também não bastam por si sós... Acho que existe algo a mais... Eu não sei o que, nem Cesão deve saber, tavez ninguém consiga saber... NUNCA... Mas deve existir mais alguma coisa...

Beijocas Celestes!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

3 comentários:

jeh ferraz disse...

eu acredito em talento.........cesão tem um dom.........
mas para o talento aparecer é necessário mto trabalho duro!!!!!!!!!!!

Patrícia Angélica disse...

ainda assim... acho q nao é só o talento, o treino e a auto-confiança...

tem algo mais... não sei se seria peigas dizer q é uma luz divina... mas realmente parece ser algo sublime, superior...

q como se diz "a vã filosofia" não ousa nem consegue explicar!

Laurinha =) disse...

É dom, saca??? Cesão não deve ser tão bom em outras coisas como é na natação, coisa que não se explica... só se entende (se é que dá pra entender)... Aí junto com isso vem perseverança, auto-confiança e o tal do treino hauhauhauhauha